Guerrilheiro Virtual

terça-feira, 15 de janeiro de 2013

Os dilemas da atual oposição à presidente Dilma

O cenário para 2014 deixa os opositores e seus defensores apavorados, sem saber exatamente o que fazer, incluindo alguns articulistas e proprietários da grande mídia, porque inviabilizar Dilma significa ressuscitar a candidatura de Lula”
 
Antônio de Queiroz, Congresso em Foco
 
O maior dilema da oposição, incluindo a não-partidária, em relação à presidente Dilma Rousseff, é como calibrar as críticas à sua gestão, de  modo  a enfraquecê-la na disputa de 2014, porém sem inviabilizá-la como candidata. As razões para tanto são muitas e são analisadas neste texto.
 
Já ficou provado, nestes dois últimos anos, que denúncias de corrupção no governo não dão liga. Apesar delas, a popularidade da presidente continua crescendo. A oposição, que insiste no denuncismo e na judicialização da política, não apresenta projeto alternativo de poder nem dispõe de lideranças com igual potencial eleitoral dos candidatos do PT, o que só amplia seu dilema.
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

”Sendo este um espaço democrático, os comentários aqui postados são de total responsabilidade dos seus emitentes, não representando necessariamente a opinião de seus editores. Nós, nos reservamos o direito de, dentro das limitações de tempo, resumir ou deletar os comentários que tiverem conteúdo contrário às normas éticas deste blog. Não será tolerado Insulto, difamação ou ataques pessoais. Os editores não se responsabilizam pelo conteúdo dos comentários dos leitores, mas adverte que, textos ofensivos à quem quer que seja, ou que contenham agressão, discriminação, palavrões, ou que de alguma forma incitem a violência, ou transgridam leis e normas vigentes no Brasil, serão excluídos.”